Instituto de Doenças do Tórax - Fisioterapia Cardiorrespiratória

          A Fisioterapia Respiratória, pode definir-se como a intervenção que utiliza estratégias, meios e técnicas de avaliação e tratamento, não-invasivas, que têm como objetivo a otimização do transporte de oxigênio, contribuindo assim para prevenir, reverter ou minimizar disfunções a esse nível, promovendo a máxima funcionalidade e qualidade de vida dos pacientes. A Intervenção do Fisioterapeuta em pacientes com disfunção cardio-respiratória ou em risco de as desenvolver, baseia-se no seu exame, tratamento e avaliação dos resultados.

     Para atingir os seus objetivos o Fisioterapeuta utiliza técnicas manuais e/ou instrumentais, o exercício, o posicionamento, a educação e o aconselhamento. A intervenção do fisioterapeuta na área cárdio-respiratória envolve da parte deste, um exame adequado do paciente, uma avaliação dos dados recolhidos que lhe permitam identificar, relacionar e hierarquizar os problemas que podem ser beneficiados com a sua intervenção. A sua intervenção junto de pacientes (adultos e crianças) com disfunção respiratória aguda, crônica ou crônica agudizada requer um nível de experiência que só pode ser atingido com uma prática continuada, um conhecimento atualizado, uma avaliação constante dos resultados e uma atitude crítica e reflexiva sobre a sua prática clínica.

 Dra. Anna Carolinna Queiroz de Oliveira Quinta

- Formada pela Universidade de Ribeirão Preto - UNAERP, Ribeirão Preto-SP

- Especialização em Fisioterapia Respiratória - UNAERP

- Especialização em Terapia Intensiva - HC-FMUSP, Ribeirão Preto-SP

- Técnica em espirometria pelo Instituto em Excelência em Educação e Saúde de Goiânia